As cidades e os sábios – Jasmine.

Jasmine, cidade-dourada, é famosa por encerrar a mais nobre produção artística política metafísica cultural. É onde vivem os maiores sábios e eruditos do reino; e é também a única cidade cercada por muros dourados com seteiros em cima, vigiando dia e noite contra imaginários invasores. Suas catapultas, com precisão e regularidade espantosas, arremessam sabedorias artes livros pelos ares e em todas as direções, e é possível vê-los cruzando os céus como cometas que iluminam a noite para, em seguida, mergulhar na linha do horizonte sem chegar a receber um nome.

O viajante que se aproxima ouve de longe o vibrante burburinho das ruas de Jasmine, a cidade-mar. Vencendo a última curva, vê no vale uma imensa lagoa de tendas de muitas cores, profetas saltimbancos, negociantes aos berros entre músicas e beberagens de gosto duvidoso. Odores fortes e coloridos enrolam-se nos turbantes das pessoas e das barracas. Vista de longe é como um mar que se move, quente e lento, com suas ondas lambendo a beirada das casas. No seu preciso centro ergue-se, vertical, uma imensa nau dourada que flutua à deriva sobre esse oceano de gente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s