Sabático.

Ecoando um texto do Estraviz, trechos de seu futuro livro:

Meus sabáticos me permitiram ser um melhor profissional. Foi só graças ao tempo livre que pude perceber quais as mudanças necessárias pra minha vida e o que era necessário para eu estudar, ler, assistir… Num de meus sabáticos eu voltei basicamente às aulas, assisti mais seminários naquele ano do que todos os outros anos somados. E ia com gosto, com vontade de aprender. As vezes eu vejo profissionais participando de palestras e congressos. Pouca vontade… preguiça, muitos dizem ao chefe que vão mas nem chegam a pegar o crachá. No fundo, ao eu afirmar as vantagens do sabático, estou também assumindo que na hora do trabalho, nada melhor do que estar focado nele. O que é esquisito é essa coisa meio termo… Trabalhamos pela metade do tempo, enrolando, vendo vídeos no youtube pra passar o tempo, esticamos aquela reunião, é muito tempo desperdiçado. Não seria melhor ser super produtivo no trabalho e depois, em temporadas, ser super produtivo na tarefa de não fazer nada?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s